Laudo confirma estupro de filha de 7 anos pelo pai, que foi preso no RS

Do G1 RS

A Polícia Civil recebeu na manhã desta sexta-feira (27) o laudo do Instituto Geral de Perícias (IGP) confirmando que uma menina de 7 anos foi estuprada pelo pai, preso na quinta-feira (26) em Gravataí, na Região Metropolitana de Porto Alegre, suspeito de abusar também das outras três filhas.

“Houve conjunção carnal recente com essa menina de 7 anos”, afirma Marina Machado Dillenburg, responsável pela Delegacia de Atendimento à Mulher (Deam) em Gravataí. “Essa prova é muito importante”, completa.

Suspeito tem 31 anos e foi preso em casa, em Gravataí (Foto: Divulgação/Deam)Suspeito tem 31 anos e foi preso em casa,
em Gravataí (Foto: Divulgação/Deam)

O homem de 31 anos, pai de quatro meninas entre 2 e 7 anos, está no Presídio Central.

A mãe das crianças também é investigada, pela suspeita de que sabia dos casos. As filhas foram levadas para passar por uma perícia física ainda na quarta-feira (25), após uma denúncia.

De acordo com a delegada, uma delegacia móvel foi montada no bairro onde a família mora, em Gravataí, há uma semana. Foi nesse momento que a polícia recebeu pedidos da comunidade para que uma solução sobre o caso fosse tomada. Porém, segundo ela, “desde 2014 há relatos da negligência em que essas meninas são mantidas pelos pais.”

Os peritos que foram até a casa da família constataram essa negligência por parte dos pais em relação à higiene das crianças e da residência, que estava muito suja e sem alimentos.

As crianças estão sendo entrevistadas por uma equipe especializada. “Está sendo agendado aos poucos. Os relatos dela são muito importantes, considerando que elas são bem novas, uma tem 2 anos. Mas nós temos informação que houve manipulação de órgãos genitais dessas meninas”, disse a delegada, sobre as outras filhas do homem preso.

No mesmo dia em que foram até a casa, os peritos providenciaram a retirada das crianças do local.

Agentes constataram falta de limpeza na casa da família em Gravataí (Foto: Divulgação/Deam)Agentes constataram falta de limpeza na casa da família em Gravataí (Foto: Divulgação/Deam)

 

Agentes constataram falta de limpeza na casa da família em Gravataí (Foto: Divulgação/Deam)Meninas foram retiradas de casa após visita de peritos (Foto: Divulgação/Deam)
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: