Funcionária maltrata crianças em creche de Porto Alegre

Maria Maurente

Da RBS TV

Uma funcionária foi flagrada maltratando crianças de três a quatro anos de idade em uma creche de Porto Alegre, que mantém convênio com a prefeitura. O vídeo com os maus-tratos foi postado em uma rede social na segunda-feira (5) e até a noite desta terça (6) já havia somado mais 1,1 mil compartilhamentos e 21,4 mil visualizações.

Nas imagens, a educadora aparece puxando uma criança pelos braços e atirando ela sobre um colchonete estendido no chão. Em seguida, a mulher puxa outras crianças pelos braços para ajeitá-las na cama e grita com elas para que elas durmam.

O caso ocorreu no Instituto de Educação Infantil Carlos Tejera de Ré, no bairro Glória, Zona Sul de Porto Alegre. As imagens foram publicadas na internet por Shaiane Rosa, que tem uma filha de quatro anos na escola. Ela disse que a gravação foi feita no final de 2014 por uma funcionária da escola, que pediu para não ser identificada.

Shaiane contou que a filha dela disse que nunca foi agredida na creche, mas que relatava com frequência maus-tratos e ameaças a outras crianças. “A minha filha fala que a professora dizia que ia deixar as crianças sem lanche se elas não dormissem, que os pais não iam buscar elas, além de arrastarem elas pelos braços para um canto”, contou a mãe.

Nesta terça-feira, Shaiane e outra mãe que teve o filho agredido foram até o Departamento Estadual da Criança e do Adolescente (Deca) prestar queixa contra a funcionária. A ocorrência foi registrada e encaminhada ao Conselho Tutelar para que o caso seja investigado.

O conselheiro Julio César Fontoura afirmou que está tentando contato com a direção da creche e que uma reunião deve ser realizada nesta quarta-feira (7). Além de pedir o afastamento da funcionária flagrada nas imagens, o órgão pode levar o caso ao Ministério Público (MP) para uma eventual denúncia criminal contra ela. Ele orienta as demais mães a também procurarem o Conselho Tutelar e o Deca para denúncias.

O Instituto de Educação Infantil Carlos Tejera de Ré é uma instituição comunitária conveniada à Secretaria Municipal de Educação (Smed). A reportagem não conseguiu contato com representantes da creche e da assessoria de imprensa da Smed.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: