Médico infantil é julgado por abusar de crianças com câncer

O médico Myles Bradbury, de 41 anos, de Herringswell, admitiu seis acusações de abusos íntimos e 13 acusações de envolvimento com uma criança. Ele também se declarou culpado de três acusações de ter provocado ou incitado uma criança a se envolver em atividade íntima.

O médico era hematologista pediátrico no Hospital de Addenbrooke, em Cambridge. Os abusos foram cometidos contra crianças vítimas de câncer, que estavam sob seus cuidados.

Vestindo um terno escuro e gravata azul no tribunal, Myles também se declarou culpado de uma acusação de voyeurismo, ao fazer 16.629 imagens indecentes e 20 filmes de crianças.

Médico infantil é julgado por abusar de crianças com câncer

Ao sair do tribunal, Myles disse aos repórteres: “Eu sinto muito.” Ele recusou-se a responder às perguntas.

Keith McNeil, executivo-chefe do hospital disse: “É difícil colocar em palavras o quão triste estamos. As nossas mais sinceras desculpas para todos os nossos pacientes e suas famílias que são afetadas por isso de alguma forma. Gostaria de tranquilizar os pacientes e familiares que o nosso pessoal que trabalha nos serviços para crianças aqui no Hospital da Universidade de Cambridge continuam a fornecer os cuidados que nossos pacientes esperam e podem confiar”.

As autoridades deixaram à disposição um telefone para denúncias do caso, já que há uma probabilidade de haver mais vítimas, que poderão ser incluídas como provas para levar o caso ao tribunal.

Fonte: Daily Mail

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: