Casal é preso suspeito de matar filha de dois anos no Rio

Do R7, com Agência Estado

Policiais da 67ª Delegacia de Polícia, de Guapimirim, na Baixada Fluminense, prenderam um casal suspeito de torturar e matar a filha Lhanna Elias da Silva, de dois anos de idade. Willian Ferreira Augusto e Janaina Elias dos Santos estavam foragidos desde o ano passado, quando tiveram decretada suas prisões preventivas.

Segundo a Polícia Civil do Rio, que divulgou na manhã desta terça-feira (15) as prisões, Willian e Janaina foram detidos após denúncia anônima, na segunda-feira (14).

A criança, que sofria de epilepsia, deu entrada no Hospital Municipal de Guapimirim no dia 2 de junho do ano passado, mas morreu quatro dias depois em consequência das múltiplas lesões sofridas.

Lhanna tinha marcas de queimadura e mordidas pelo corpo, que chamaram a atenção de uma médica. A direção do hospital então chamou o Conselho Tutelar.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: