Onze crianças adotadas receberam R$ 4 milhões após pais serem acusados de criá-los em gaiolas

Em Norwalk, condado de Connecticut, EUA, onze crianças adotadas conseguiram um acordo de R$ 4.682.800,00 após serem obrigadas a viver em gaiolas de madeira e arame durante anos pelos pais, que justificaram a atitude pelo perigo que as crianças ofereciam.

Esse é um novo acordo depois do último feito em 2010, que contabilizava pouco mais de R$ 2 milhões. Ele ainda precisa passar pelo juiz e conseguir sua aprovação, e acredita-se que irá por fim às negociações e ações judiciais que vêm sendo realizadas desde que as crianças conseguiram ser retiradas da casa, em 2005.

As crianças, na época, tinham idades entre 1 e 14 anos. Os pais adotivos, Michal e Sharen Gravelle, passaram dois anos presos sob a acusação de abuso sexual de algumas delas. O casal afirma que mantinha as crianças dentro das gaiolas, pois apresentavam comportamento agressivo e violento para com outrem.

Depois desses anos, todas elas foram realocadas em outros lares adotivos. Duas delas, inclusive, já cursam a faculdade.

O estado de Ohio se responsabilizou e vai pagar cerca de R$ 460 mil, enquanto o resto será pago pelas seguradoras de cada jovem. Entretanto, funcionários do condado mantêm a ideia de que os pais não fizeram nada de errado. Ao adotarem as crianças, os Gravelles foram entrevistados, as autoridades foram atrás do histórico do casal, e por isso foram considerados aptos para serem pais e ficou garantido que as crianças iriam ser bem cuidadas.

Essa investigação sobre o tratamento inadequado de crianças em casa levou o governo a fiscalizar melhor casos de adoção e também de pais com crianças com necessidades especiais em casa, e o tratamento dado a elas.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: