Preso oficial da Marinha Mercante que é suspeito de sequestrar 12 meninas

RIO – O oficial da Marinha Mercante, Fernando Marinho de Melo, 57 anos, se  apresentou na 39ª DP (Pavuna) na segunda-feira. Ele é suspeito de ser o  responsável pelo de sequestro de 12 crianças para fins de exploração sexual.  Fernando foi encaminhado à Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente  (DPCA).

– Pelo que se sabe, ele é uma pessoa que atua com alguns critérios. Ele  escolhe meninas novas e bonitas, geralmente de famílias humildes, pouco  esclarecidas, depois de traçar a rotina escolar e doméstica das vítimas,  inclusive, os horários em que não estão com a família por perto – afirmou o  titular da especializada, delegado Marcello Maia.

Segundo informações da polícia, nos últimos 10 anos, pelo menos 17 meninas  foram sequestradas em circunstâncias muito parecidas. Fernando estava foragido  desde o início de dezembro, quando ele foi condenado a sete anos de prisão pelo  sequestro de Larissa Gonçalves Santos, de 12 anos de idade, em 31 de janeiro de  2008. Testemunhas presenciaram o momento em que o oficial saiu da casa da vítima  com ela e uma televisão roubada. Ele teria se passado por técnico de TV para  poder entrar.

Larissa nunca mais foi encontrada e, até hoje, os pais procuram pela filha,  sem saber se ela está viva. Acredita-se que ela teria sido morta e seus órgão  traficados para outro país.

Leia mais: http://extra.globo.com/noticias/rio/preso-oficial-da-marinha-mercante-que-suspeito-de-sequestrar-12-meninas-11294885.html#ixzz2qez6T4OW

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: